sexta-feira, 20 de março de 2009

Estudo cientifico

No Japão, são consumidas poucas gorduras e o índice de ataques cardíacos é menor do que na Inglaterra e nos EUA. Em compensação, na França consomem-se muitas gorduras e, ainda assim, o índice de ataques cardíacos é menor do que na Inglaterra e nos EUA.
Na Índia, bebe-se pouco vinho tinto e o índice de ataques cardíacos é menor do que na Inglaterra e nos EUA. Em compensação, na Espanha bebe-se muito vinho tinto e o índice de ataques cardíacos é menor do que na Inglaterra e nos EUA.
Na Argélia, faz-se muito pouco sexo e o índice de ataques cardíacos é menor do que na Inglaterra e nos EUA. Em compensação, no Brasil faz-se muito sexo e o índice de ataques cardíacos é menor do que na Inglaterra e nos EUA.
Conclusão: Beba, coma e faça sexo sem parar. O QUE MATA É FALAR INGLÊS.

2 comentários:

Juliana disse...

Oh God!

Amarrotada disse...

O que mata é tanta gordura.

Mas engraçado falares nisso porque não sei se já ouviste, mas parece que nos Estados Unidos a grande maioria das mulheres prefere estar um dia inteiro na net no flirt do que fazer sexo...
E por incrível que pareça, os homens tb preferem estar ao pc a engatar miúdas pela net e ver filmes pornográficos que fazerem sexo.

Das duas uma: ou eles/elas são muito maus na cama ou então é para evitar mais ataques cardíacos... Ou pronto... não sabem o que é bom, tb pode ser...