quinta-feira, 2 de outubro de 2014

Ontem

Não vi o jogo!
Ter treinos em dia de Champs é uma merda, mas é assim.
Dizem-me que foi mau demais, e acredito. Todos sabem que sou um fan de JJ. Mas entre gostar dele e do que tem feito pelo Benfica, e não ser capaz de o criticar vai uma grande diferença. Embora ache que é o melhor homem para estar ao leme do clube encarnado, não o acho um treinador perfeito, e erra como qualquer outro.
Mesmo sem ver o jogo, há coisas que posso dizer. A primeira é que infelizmente este ano não temos uma equipa de nivel Europeu. Por isso a ilusão de fazer figura na Champs será apenas uma miragem. Não é com Taliscas e Jardeis que lá vamos.
Eliseu é um bom jogador, e poderá para consumo interno, contra equipas que causam muito poucos problemas ofensivos ser uma optima opção. Não o é em jogos grandes, pois o seu momento defensivo deixa muito a desejar.
Jardel é um optimo "banco". Não tem qualidade individual suficiente para ser titular no SLB. O seu desempenho em posse é miseravel, e o posicionamento defensivo é fraco. Coisa que o acumular de minutos está a deixar a nu. Não se entende como Lisandro não tem minutos.
Sobre Talisca não me quero alongar. Tinha um odio de estimação, Cardozo, e Talisca não é o meu novo odio. Mas que ainda não tem andamento para jogar tanto no SLB, não tem.
Como não vi o jogo, não sei como foi Derley.
Mas se esta falta de qualidade é notoria nos jogos do campeonato, fará na Liga dos Campeões.

Quem não tem unhas não toca guitarra, e o desinvestimento feito esta epoca está à vista.
Mas a verdade é que lideramos o campeonato, prova para a qual temos equipa. E esta tem de ser este ano a grande prioridade.
Não eramos ontem a melhor equipa do mundo, nem somos hoje a pior. Por mais que a imprensa tente passar essa ideia. Incrivel como equipas que ganham dois jogos em 8 são alvo de grande elogio, e o lider do campeonato é cilindrado na primeira má exibição.

Para acabar umas notas.
O 6 tem de ser trabalhado, seja ele quem for.
Cristante é alternativa a Enzo e não a 6.
Salvio por mais que encha as medidas ao terceiro anel, está a Km de Gaitan ou de Markovic. Para Guardiola "o melhor jogador é aquele que não perde a bola", e Salvio perde-a infelizmente 90% das vezes. Se pudessemos juntar o sangue do argentino à inteligencia de leitura dos momentos, e de posicionamento de Ola John, teriamos um grande jogador.
Não gostei da contratação de Julio Cesar, e parece que ontem ja deu barraca.
Lisandro tem de ter minutos.
Talisca não pode jogar tanto.
Loris Benito tem de ter minutos.
Pizzi precisa de ter minutos.
João Teixeira não merecia ter sido esquecido.

sexta-feira, 12 de setembro de 2014

Tudo dito

"Era uma vez, numa terra sem rei chamada Portugal, uma pedra. Essa pedra tinha uma espada. A espada tinha uma lenda. Ora, rezava esta, mitigada por distintos visionários e mercadores, que quem conseguisse arrancar a espada da pedra, feito inatingível para o homem comum, seria rei. Tal tarefa poderia somente, pois, ser executada por uma alma dotada de incrível dom de liderança e grande habilidade, capaz de domar os mais bravos mares e guiar os guerreiros combalidos pelos trilhos até aí desconhecidos da glória.
Vieram desde longínquas terras até Portugal vários espíritos repletos de ambição e vontade, ansiosos por elevar da firme pedra a tão desejada espada. Muitos tentaram, nenhum concretizou tal desígnio. Veio o Luiz, intentou o Carlos, fracassou o Paulo. Muitos mais chegarão a Portugal e procurarão levantar lusa Excalibur, contudo, nenhum conseguirá até que outro feito, nunca contado mesmo pelas mais obscuras e sábias lendas, seja alcançado.
E que feito é esse, perguntas tu, meu jovem e sonolento leitor que aguarda que eu termine por fim esta história para poder fechar o livro e cair em profundo e mágico sono? Conto pois, para apenas tu ouvires, que não é nossa terra Inglaterra e não é este o conto do Rei Artur — pelo que o segredo para ser soberano não se resume a arrancar a espada. Pois o mal desta terra, que a mantém sem rei nem roque, está na pedra que agarra com pardacentas garras a arma e a prenderá, inacessível à honra e dignidade, a não ser que um homem nobre e elevado compreenda que para se fazer com a espada e ser rei há que primeiro destruir a pedra.
Não sendo isso feito, poderão vir Fernando, Vítor, Rui ou qualquer cavaleiro de nome estrangeiro, que nunca Portugal se erguerá. Era uma vez, numa terra sem rei chamada Portugal, uma pedra. Essa pedra tinha uma espada. A espada tinha uma lenda. A verdade estava na pedra."

Inês Sampaio in Visão de Mercado

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Mais uma ficha, mais uma viagem.

E quando já estávamos a ressacar, volta em força o futebol. E com tudo a que temos direito e a que estamos habituados. Vitorias do Glorioso, empates do Sporting, tricas, negociatas, escândalos, crises, enfim... é só escolher o melhor assunto para ter à mesa do café.
Optei por não fazer posts na silly season, pois cada vez menos tenho paciencia para ler e falar dos 20 guarda-redes que estiveram certos no Benfica, ou do Enzo que de manha fica e à tarde sai, mas que de noite já não sabe. Usando aquela maxima do treinador batido no mundo do futebol, "só falo dos jogadores que estão no plantel". Não é bem assim mas é quase.
O Benfica, mesmo com a enorme machadada na qualidade do seu plantel, entrou com o pe direito na época. Duas vitorias importantes, que dão credito, confiança e permitem ao treinador mais tempo para trabalhar.
O quarteto defensivo parece estável, Jardel tem estado certinho, que é o que se lhe pede, pois não lhe podemos pedir que seja Garay. Esperemos para ver o que tem para ofereces Lisandro e Cesar. Esperava muito do primeiro. Eliseu, tem-me convencido. E as coberturas defensivas que tem dado, algumas importantes até do lado oposto à sua área de intervenção, são optimos indicadores. Ate para a nossa selecção.
No meio campo quando regressar Fejsa as opções ficam mais arrumadas. Obviamente temos de esperar pelo desenrolar da novela Enzo. Mas também é verdade, que não sobreviveríamos sem, Javi, depois sem Matic, e agora não sobreviveremos sem Enzo. Enzo é o meu jogador preferido do plantel, mas também sei, que quando sair, aparecerá outro. O futebol é isto.
Mais para a frente, a machadada foi mais forte. Embora tenha alguma fé em Derley, vejo-o como alternativa a Lima, crendo que a falta de Rodrigo, teria de ser culmatada por um avançado mais fino, de nível superior. Salvio empolga a bancada, mas ter Salvio não é a mesma coisa que ter Markovic, e nunca será. É uma pena ver Salvio decidir mal em 95% dos fantásticos desiquilibrios que consegue causar física e tecnicamente. Gaitan é o bastião de qualidade que ainda sobra no processo ofensivo, vamos ver até quando. Ao contrario da maioria, gosto de Ola John. A capacidade de decidir é excelente, a de passe também. Falta-lhe o sangue, certo. Vamos ver se o tal click chega a aparecer. Potencial enorme. Jara não tem qualidade para fazer parte do plantel, e Nelson Oliveira tenho quase a certeza que também não. (sobre este espero ano apos ano que me contrarie). Adoraria ter visto Bernardo a ser trabalhado por JJ, adaptado numa ala com movimentos interiores à lá Markovic. Essa seria a minha opção. Não foi essa a ideia.
Ouve-se que Pizzi está a ser trabalhado para ser o novo Enzo. Veremos.
Talisca ainda não é jogador para ser titular no Benfica, e não o será durante muito tempo.
Tiago Bébé tem pontencial, veremos se quer aprender a ser jogador de futebol. Para mim seria um dos dois avançados.
Precisamos claramente de guarda-redes. Ou dois.
Para acabar, preocupa-me mais quem ainda não chegou, do que quem saiu, pois todos sabemos que as negociatas de hoje em dia, impossibilitam a permanência dos bons jogadores. Creio que faz falta ainda no plantel um Guarda Redes (não conheço o Grego, e adoraria ter Forster, Matt jones parece-me um excelente jogador), Se Lisandro não se afirmar precisamos de um central. Um 6 puro, Danilo não vem mas seria a minha escolha. Filipe Augusto também seria uma boa opção para o plantel. É preciso um avançado, fino, de qualidade, que desequilibre, e um ala com as mesmas características.
Veremos o que acontece até fiz do mês.

Ps. Leonardo Jardim será despedido brevemente.

sábado, 5 de julho de 2014

Conselho do dia:

Gustavo... mete mais tabaco nisso, e vai ajudar a montar umas estantes!

 

Mas.... que raio estas tu a fazer com as mãos? Não! Que raio estas tu a fazer com a tua cabeça?
E já agora, deixa de copiar títulos de livros de auto-ajuda, já eles desgraçados, para as colocar nos teus videozecos.

Como aqui não há likes, partilhe o post na sua rede social. Obrigado!

When will the bass drop?


Como aqui não há likes, partilhe o post na sua rede social. Obrigado.

quinta-feira, 3 de julho de 2014

Uma mentira dita mil vezes....

... não passa a ser verdade.
As redes sociais têm destas coisas. O ultimo caso é o de Enzo Perez.
A onda de indignação foi rapida, Enzo não vale nada porque disse que Portugal é uma merda... Pior que Enzo só o Benfica, esse sim um clube com só tem gente desta.
Pois meus caros, não consigo ir nessa onda.
Primeiro porque a mim, em momento nenhum me parece que Enzo tenha dito que Portugal é uma merda. O jornalista diz: "Enzo, umas palavras para Portugal", ao que o jogador do Benfica (por enquanto), responde: "à lá mierda".
Meus amigos, onde é que isto é mandar um Pais à merda? Quanto muito manda um jornalista à merda.
Ok, podemos considerar uma falta de profissionalismo de um atleta, que numa zona destinada a entrevistas, como a "Zona Mista", dispara uma frase daquelas. Isso eu até aceito, e concordo. Agora nada mais que isso. Fez-se disto um caso, que simplesmente não existe.
Depois há as atenuantes, o historial do jornalista em questão, a sua relação com o Benfica, seus atletas e dirigentes. Tudo isso. E muito provavelmente foi isso que se passou.
Enzo, aziado, passa por um jornalistas com quem não tem boas relações, com quem o seu clube tem um historial de polémicas, e não lhe querendo responder, manda-o à merda. Ponto final paragrafo.

Lembre-se apenas este episódio com o mesmo jornalista, e com RC10. Apenas um dos episodios deste Alexandre Santos, conhecido pela falta de insenção com que gere entrevistas e programas de televisão, emite opiniões, tenta criar polémicas, tudo com objectivos claros e objectivos.

A falta de profissionalismo de Alexandre Santos, não desculpa a falta de educação de Enzo Perez. Isso não. Mas criar toda esta onda de indignação, à volta da mentira que "Enzo mandou Portugal à merda", mostra quem é este jornalista.

Para acabar, Enzo, depressa se esforçou para clarificar o caso com as seguintes palavras:
"A minha filha nasceu em Portugal e é aí que eu jogo e sou feliz, com a forma como sou tratado por todos os portugueses. Tive uma reação incorreta, não tenho gostado de algumas coisas que têm sido escritas sobre o meu futuro e que não estão certas. Nunca me quis referir a Portugal. Estou muito agradecido com tudo o que eu e a minha família recebemos."

Pelo menos para mim, uma mentira repetida muitas vezes não se torna verdade.

Como aqui não há likes, partilhe o post na sua rede social. Obrigado.

segunda-feira, 30 de junho de 2014

Não, não somos todos amigos.

"Passeando hoje por murais e comentários de jornais online, não posso deixar de me sentir fora do tempo. As redes sociais parecem ter abolido o silêncio. É como se a dor individual, a mais arrasadora e indizível das dores, fosse um bem comunitário. Não, não somos todos amigos. Passámos séculos a lutar pela privacidade e por esse bem pouco apreciado que é o direito ao isolamento. E em tão pouco tempo isto voltou a parecer uma aldeia. Povoada por vizinhos que não respeitam as cortinas fechadas. Os gestos comunitários de solidariedade ou de censura são muito mais asfixiantes do que eram nas aldeias reais. Parece que o mundo se transformou num lugar demasiado pequeno para se viver. Um lugar onde tudo se sabe e nada se pode guardar. Tudo se conta, tudo se partilha. O nascimento, a morte, o amor, a perda, um momento de irrepetível prazer, o sofrimento insuportável, a primeira palavra de um filho, o primeiro beijo, a morte de quem se ama. No entanto, as coisas podem acontecer sem falarmos delas com milhares de pessoas e sem milhares de pessoas nos falarem delas. Acredito, cada vez mais, numa defesa irredutível da privacidade. É a única forma da palavra "amigo" (aquele com quem se partilha) continuar a fazer algum sentido. Para os que não são amigos, em momentos que não se vivem no meio de estranhos, deve sobrar o mais significativo dos gestos de solidariedade: o silêncio."

By Daniel Oliveira

Como aqui não há likes, partilhe o post na sua rede social. Obrigado.

quinta-feira, 26 de junho de 2014

Boas férias!

E terminou assim a participação de Portugal no Mundial. Agora, já podem todos juntar-se a Rafa e Neto, nas ferias pagas pela FPF.
Este foi a meu ver o melhor jogo de Portugal na competição. Ou menos mau, digamos assim.
Paulo Bento provou que ele é o principal responsável pela péssima competição feita por Portugal.
Ao insistir nos seus jogadores fetiche, colocou em causa a participação lusa na copa, e a sua incompencia colocou-nos fora do Mundial.
O seleccionador provou hoje que está errado. Notou-se na primeira parte, que a equipa fica muito mais arrumada em 1-4-4-2, que moutinho a 8 é o dobro do jogador, que o sangue novo teria dado asas a esta equipa, e que é necessária uma renovação urgente na estrutura. Desde jogadores, a principalmente seleccionador nacional.
Esta primeira parte não foi brilhante, não. Mas também não é de estranhar que uma equipa que muda de sistema de jogo a cada 10 minutos se possa apresentar da melhor maneira. Mas mesmo com William e Rúben longe de fazerem grandes exibições, provaram que dão muito mais garantias neste momento que os cães de fila de PB. Atenção que eu fui um grande fan de Meireles, acho que ele foi um grande jogador, e mesmo hoje, enquanto as pernas deixam é um jogador influente. Mas neste momento não se apresenta nas condições ideais.
Mesmo com a equipa equilibrada, mesmo vendo as fragilidades da equipa africana, foi notório que os jogadores lusos nunca acreditaram no apuramento. E provavelmente teria sido possível. (é claro que a haver um resultado combinado no outro jogo, dificilmente passaria pelo empate, seria demasiado óbvio, tanto que a Alemanha nunca tentou forçar o resultado). Mas sem teorias da conspiração, a Alemanha ganhou, e Portugal nunca acreditou, e olhando para o jogo, teria sim, sido possível golear o Gana. Até ai o trabalho da equipa técnica não foi eficaz, ao não conseguir motivar a equipa para esse resultado.
Com o golo do Gana tudo acabou, PB depressa mexeu na equipa, e embora Eder tenha sido uma nulidade, creio que tanta mudança de posição só prejudicou.
Enfim, não merecíamos mais, não tivemos mais.
As lacunas são óbvias. O lado direito é ridículo, J.Pereira e Nani, juntos, 4 pernas, 4 pes, 40 dedos, nenhum cérebro! Vários jogadores banais, e alguns ruins. Mesmo assim, creio que com um treinador competente haveria potencial para fazer bem melhor neste grupo.
Sempre gostei de Paulo Bento, que me parece um homem integro. Espero que não me desiluda, e se demita imediatamente.
Renovação já! Precisa-se treinador urgentemente!

Ps. Nunca segui os jogos do S.C.Braga, pelo que do pouco que vi, tinha ficado com boas ideias de Eder, inclusive nos jogos da selecção. Este mundial provou-me o contrario. Se o verdadeiro Eder é este, não o quero no Glorioso.

Como aqui não há likes, partilhe o post na sua rede social. Obrigado.

Gourmet

Como a vida não é so futebol, e há , por incrivel que pareça, coisas bem mais tristes que a participação de Portugal no Mundial, deixo-vos com um grande artista. Jorge Martinez! Jorge é um grande artista, era conhecido no Canadá, onde é superstar, como o Prince Portugues, nome que abandonou para se tornar no Ricky Martin Portugues. Acreditem, vale a pena conhecer a obra deste homem. O que vale a pena conhecer também, é este fantastico programa. "A Casa do Manel". Não ha muito a dizer sobre o Manel nem sobre a sua casa, mas vale a pena degustar os seus programas, e os artistas la presentes. Gourmet! Creio que tennho muito material para colocar por aqui. Manel, desde já! Obrigado!
Como aqui não há likes, partilhe o post na sua rede social. Obrigado.

terça-feira, 24 de junho de 2014

segunda-feira, 23 de junho de 2014

Merecido, e esperado!

Primeiro de tudo, desculpem o tamanho do texto.


Sinceramente, torci pela nossa equipa! Mesmo sendo a minha opinião a que é, eu espero sempre que me obriguem a "meter a viola no saco". Mas infelizmente, sim, infelizmente, porque há mesmo situações onde eu não gosto de ter razão, tudo aquilo que venho criticando, aconteceu. Mais uma vez!

 "Nunca perdemos o controlo do jogo!" by Palo Bento na conferencia de imprensa pós jogo.

 É mais que merecido este resultado. E só para quem segue de longe este desporto, este desempenho no Mundial pode ser uma surpresa. Será mais que justa a eliminação da equipa de Paulo Bento (sim, porque a sua equipa, não é de todo, a selecção dos melhores jogadores portugueses neste momento) caso não aconteça o milagre. E vejamos porque: 

Primeiro a escolha deste grupo de jogadores. Se no momento da convocatória as criticas às escolhas pareciam mais que justificadas, agora depois do leite derramado, é mais que evidente que quem criticava tinha razão. E já nem falo na qualidade de cada atleta convocado  (embora a minha convocatória fosse totalmente da de PB, porque com a excepção de cerca de cinco jogadores acho este um grupo banal). Que ai, embora não concordando com a convocatória, dou o beneficio da duvida ao seleccionador. Falo da condição de cada jogador no momento. Aí a convocatória foi inadmissível. E acabámos por pagar isso bem caro.

Os anticorpos deste seleccionador à renovação, e à chamada injecção de sangue novo na equipa. Se é verdade que o campo de recrutamento é muito limitado e que as escolhas são poucas (algo que também é da responsabilidade da FPF), também é verdade que não há o mínimo interesse em faze-lo. Vejam-se os casos de W.Carvalho e de Rafa. Este ultimo que foi apenas passear ao Brasil.

Depois a gestão física deste grupo. Ruinoso o trabalho da equipa técnica no que diz respeito à condição física apresentada neste mundial. Ao que reuni, até ao momento foram dez as lesões musculares desde o inicio do estagio. Cinco delas no decorrer da competição com os resultados que se viram.

Para terminar, aquele que é para mim o pior dos problemas. A falta de qualidade deste treinador Português.
Parece-me que este não é um problema apenas da nossa selecção. Parece-me obvio que os bons treinadores não querem ser seleccionadores. E isso depois reflete-se assim. Na maior competição de futebol do mundo, onde estão os melhores atletas, não temos com  algumas excepções, treinadores à sua altura. O que é uma pena.
Paulo Bento, para quem Portugal hoje teve o jogo sempre controlado, é incapaz de ler o jogo, e agir para corrigir o que está mal. Já era assim no sporting, onde a sua reacção era sempre a mesma. A famosa e constantemente repetida puxada de Veloso para lateral esquerdo aos 60 minutos.
Eu não gosto do 1-4-3-3. Mas isso já é uma questão pessoal. Não creio que essa disposição seja o mais importante para o desfecho do jogo, mas sim, a posterior dinâmica dos esquemas.
Creio que com dois avançados poderíamos potenciar muito melhor as características dos nossos jogadores, e principalmente de Ronaldo.
Como  digo repetidamente o processo ofensivo não existe, e está assente principalmente na qualidade de Ronaldo. E nas jogadas de Nani, de quem não gosto, mas que nas suas jogadas individuais, sempre individuais, vai mexendo com o jogo. Decidindo quase sempre mal, mas vai mexendo, mal ou bem.
Os três médios são jogadores trabalhadores, ou eram trabalhadores, mas não conseguem acrescentar nada em termos criativos.
O processo defensivo, bem, o defensivo, é baseado em referencias individuais. Quase com uma marcação ao homem,  mesmo no meio campo. O que é incrível a este nível. É facilmente ultrapassado vista a debilidade física do meio campo, e as deficiências posicionais de todos os defesas.
Como podemos ter um sistema defensivo baseado na referencia individual, quando depois temos extremos que não acompanham o seu homem? Impossível não?
Hoje entrou W.Carvalho, jogador que ainda não consigo endeusar, devido à sua lentidão (defeito que consegue disfarçar com a sua colocação e devido a um enorme poder de decisão, quer a defender quer no passe) mas que mesmo assim está anos luz à frente de Veloso na sua posição. Este jogador resistiu a marcar, e preferiu ocupar espaços. As melhorias foram notórias. Mas mesmo assim não chegou para resolver o problema do buraco causado por Ronaldo na esquerda.
Era de esperar que um treinador soubesse dessa debilidade, visto conhecer  bem a atitude defensiva de CR7, e que isso estivesse acautelado com compensações. Mas parece que foi surpreendido... Demorou 36 minutos para ver o problema e a solução foi colocar la Meireles, que por essa altura ja não corria. Mas que mesmo assim jogou mais de 60 minutos creio. E Amorim no banco.
Para os comentadores do jogo, quem causou o buraco, foi A.Almeida que fechava demasiado por dentro. Claro, CR7 não tem defeitos.... E pelos vistos PB também não.

Bem tudo junto, visto que o post vai bem mais longo do que aquilo que gosto de fazer, creio ja serem razões mais que suficientes para não merecermos passar à próxima fase.

Que mesmo sem merecer... aconteça um milagre...

Como aqui não há likes, partilhe o post. Obrigado.

domingo, 22 de junho de 2014

Do Guru

"Equipas de Queiroz vulgarizam jogadores de classe mundial. Hoje é Messi. Em 2010 foi Cristiano Ronaldo." "Fisicamente impressionante este Gana. Portugal que se cuide. Quem conhece malária não sofre de mialgia." By Gabriel Alves on Twitter. (provavelmente fake)

quarta-feira, 18 de junho de 2014

Boas e más noticias!

Bem, o mercado vai mexendo e parece que há novidades no Benfica.
Se por um lado, há as más noticias da saída de Enzo para Valência e de Garay para o Zenit (a saida era inevitavel, e a má noticia é a do argentino não ir para um clube à sua dimensão). Por outro há o rumor de negociações entre Nani e o Glorioso, que espero que não se concretize. Embora Nani em Portugal, estaria numa liga à sua dimensão onde não se notariam tanto as suas debilidades. Fala-se também do interesse do meu Arsenal no internacional Português, o que também espero que não seja verdade.
A única boa noticia, é que o representante de Derley do Marítimo diz que está tudo acertado entre o jogador e o Benfica, e que assinará na próxima semana. Parece-me um bom jogador, e uma boa alternativa a Lima. Digo sempre isto quando se contrata um jogador em Portugal. Vamos ver quanto lhe pesa a camisola!

Uma ultima nota para o jogo do Brasil no Mundial. À semelhança de Portugal, embora com uma melhor equipa, falta claramente treinador à Canarinha. 4-2-3-1, rígido, assente apenas na criatividade individual dos jogadores. Não convence, e é muito pouco para uma equipa destas.

terça-feira, 17 de junho de 2014

Perolas

"Pirlo a jogar à bola como quem fuma charuto de chinelos. Suave, lânguido, a desfrutar tanto do momento como do desespero de quem o observa." By Gabriel Alves, aka "O Guru" on twitter (provavelmente fake).

E agora calhau?

Coentrão definitivamente de fora, Patricio e Almeida com lesões musculares menos graves, só estarão disponíveis se Portugal alcançar os oitavos.
E agora?
Cheira-me que a duvida de Paulo Bento neste momento será: "E agora adapto o Veloso a lateral esquerdo, a avançado ou a guarda redes?"

Três lesões musculares no primeiro jogo... algo parece não estar bem...

Portugal vs Alemanha

Agora que já é tarde e já está tudo a dormir.
Agora que já passaram umas horas e o pessoal já não está a bater no ceguinho.
Agora que já não estamos naquele dia em que as pessoas que não entendem nada de futebol adoram ver futebol.
Agora sim, já me apetece escrever algo sobre a selecção.

Este foi um jogo horrível da selecção Portuguesa. Mas na realidade, a derrota só pode surpreender quem ou está muito desatento, ou então a quem é daquelas pessoas que acreditam no Pai Natal.
A Alemanha é, a quase todos os níveis superior a Portugal. Creio que só os ultrapassamos a nível individual, e apenas no caso de CR7. Em todos os outros duelos ficamos a perder. Jogadores, colectivo, sistema e estratégia, e principalmente... treinador!

Temos um treinador que insiste na ideia de levar um grupo unido, em vez de levar os melhores jogadores disponíveis e deles sim, fazer um grupo unido.
Temos um treinador que insiste num 1-4-3-3 muito rígido, em que o processo ofensivo se limita a transições rápidas e a diagonais do melhor jogador do mundo. Com três médios de luta, mas completamente desertos de ideias e criatividade. Moutinho a 10? É mata-lo.
O sistema defensivo é rudimentar. Assente em duelos individuais e marcação homem a homem (mesmo no meio campo). Uma equipa com jogadores deste nível, que é incapaz de fazer zonas, é demonstrativo do calhau que é o seu treinador.
Este não é o meu tipo de futebol preferido, e não é na minha opinião o que melhor assenta nas características do jogador Português.
Até na preparação do jogo, parece ter havido negligencia. Sabendo das condições climatéricas fomos para a cidade muito em cima do jogo (ao contrario do nosso adversário). Estudo do adversário parece não ter existido, visto que Portugal jogou como sempre joga, não tentado nada estrategicamente. Defender com muitos, bola para a frente e "corre Ronaldo".

Ao contrario, na Alemanha tudo bateu certo. Dez dias na cidade, estudo do adversário e explorar as suas fraquezas. Tudo feito com competência. Vejam-se as declarações de Low:
"Optámos por Muller para fazer recuar Bruno Alves e Pepe, porque eles acompanham o jogador que estão a marcar e isso deu mais espaço a Gotze e Ozil, que ocuparam os espaços entre as linhas". 

E depois do jogo de hoje, colocam-se as questões que se colocavam no dia que saiu a convocatória:
Porque não levar um segundo lateral esquerdo. Se temos quem faça com muita qualidade a posição de lateral direito, e se temos muitas opções para o miolo, porque levar André Almeida em vez de Antunes?  Se a opção para lateral esquerdo for por Veloso, porque não levar mais um médio em vez de um lateral? Se Postiga não está bem (passou de indiscutível a terceira opção para o lugar), porque a sua convocatória? Rafa foi só para beber agua de coco?

Atenção que não estou aqui a dizer mal, hoje que fomos destruídos. Eu faço estas criticas sempre! Mesmo nas vitorias. Pois não concordo, mesmo ganhando com as escolhas deste treinador. Pois, mesmo nas vitorias, e festejo-as, eu não vejo grande qualidade no trabalho feito. E não me venham com a historia de que nas selecções não há tempo para trabalhos tácticos, e por isso é melhor levar grupos coesos tipo famílias. Falamos de jogadores altamente profissionais, e que tem obrigação de assimilar facilmente diferentes estratégias, não falamos de analfabetos futebolísticos. Basta olhar por exemplo para o nosso adversário de hoje ou para a Itália, para ver equipas com ideias de jogo, e processos e estratégias elaboradas.

Esperemos que nos próximos dois jogos, o pouco que o nosso treinador pode oferecer à equipa, chegue para ultrapassar os adversários. Visto que aqui, pelo menos em termos individuais, somos melhores. Sendo assim, os duelos individuais sempre promovidos por Paulo Bento, tem maior probabilidade de dar certo. O pior é se a organização colectiva de equipas americanas e africanas já é suficiente para contrariar o nosso talento. Se assim for, já fomos! Pois em termos estratégicos, Paulo Bento não tem nada para oferecer.

Transferencias

Rakitic no Barcelona por 20 milhões. Ainda nós andamos por aqui a criticar todas as transferências feitas abaixo dos valores das clausulas de rescisão.
Se este jogador so vale isto no mercado actual, que jogador em Portugal vale mais de 30 milhões?

segunda-feira, 16 de junho de 2014

O meu Mundial!

Primeiro o óbvio. Hoje é demasiado fácil criticar a nossa Selecção. Não sendo um grande fan da equipa Portuguesa, vou tentar não cair na tentação de bater no ceguinho. Hoje está demasiado fragilizado.
E se fosse começar aqui a dizer tudo o que penso sobre esse assunto, iria acabar por me repetir. Quem acompanha os posts aqui pelo Chaparro, e quem me conhece, sabe o que penso sobre isso. Sobre o Seleccionador, sobre a qualidade dos jogadores, sobre o sistema táctico, enfim...  Apenas verificar tristemente, que este jogo, foi apenas um sublinhar de tudo aquilo que critico. E sobre este assunto, por agora fico por aqui.

Embora não tenha sido por isso que perdemos, uma péssima actuação do arbitro no jogo de Portugal, a juntar à maioria das actuações neste mundial.

Mundial com falhas organizativas incríveis. A começar no espectáculo de abertura,  que tentou ser vulgar e nem isso conseguiu, com um estádio com meia casa. Abertura essa que nem contou com a presença da chefe de estado, provavelmente por não estarem reunidas as condições de segurança (se não havia para ela, não deveria haver para ninguém!) Passando pelo pormenor dos hinos (problemas técnicos impediram que fossem ouvidos os hinos durante o jogo), e terminando nas arbitragens e horários de jogos a temperaturas desadequadas.

Vi apenas três jogos completos, e bocados de mais dois.

Pirlo. O meu jogador preferido desde a retirada de Rui Costa. Tenho noção de que não é o melhor jogador do mundo. Mas é aquele que melhor traduz o que defendo como ideal para um futebolista. Aquele que é melhor, porque pensa melhor e mais rapido, porque é mais inteligente. E que a isso, ao que considero ser a qualidade mais importante num futebolista, junta uma qualidade técnica inacreditável. É ainda, um dos melhores do mundo.
A sua Italia convenceu-me, e ainda bem. É sempre uma das minhas equipas favoritas. Falta-lhes apenas centrais que façam justiça à camisola que vestem. Não gosto de Chiellini.

Não gostei da Inglaterra, e não concordo com quem diz que se está ali a fazer uma grande equipa.

sábado, 7 de junho de 2014

Conselho a Bruno de Carvalho

Bruno, sinceramente, clica AQUI. Pensa nisso!

Futebolidades

Depois de Ribery, são agora Shirokov e Reus a juntar-se a Falcao, Walcott, Thiago, Motolivo e Valdes. Isto está a compor-se. Para não falar em Bale, Ibrahimovic, e outros ilustres que ficam de fora.

Quanto à selecção, e ao jogo de ontem, mais do mesmo. Processo ofensivo, zero. Jogadores medianos. Mas há coisas que não se entendem mesmo. Se Meireles não está em condições, que necessidade há em fazer adaptações (falo de Coentrão no meio campo) quando há jogadores Portugueses aptos a fazer o lugar, falo principalmente de Adrien, de Manuel Fernandes, ou até de Paulo Machado que já andou nestas lides de selecção. Se é verdade que não são jogadores de topo, também é verdade que levar jogadores que não estão em condições não cabe na cabeça de ninguém. E se a ideia era adaptar Coentrão, a não chamada de Antunes, também não faz sentido. Ou não haverá ideia?
O jogo é o que menos interessa, muito menos o resultado, ou a excelente cabeçada do Bruno.
O que podemos verificar, é que a equipa ofensivamente é tão creativa como um calhau, que Moutinho a 10 é metade do jogador, que a defesa quando pressionada, meteu agua (quando João Pereira é o melhor do sector, algo tem de estar mal), que Nani continua o mesmo Nani (e não me venham com tretas, 90% das vezes decide pela acção individual, não tirando proveito delas quase na totalidade) e que de ontem so se aproveitaram os bons apontamentos de Eder, mas acompanhados de uma ineficácia gritante na finalização (seu maior problema). De Varela não vou falar. Nem da insistência no 1x4x3x3. Espero, não sendo como disse um grande sofredor pela selecção, que a tradição se mantenha, e que maus jogos nas preparações, se traduzam em boas provas. Mas os sinais não são os melhores.

Quanto às contratações do Benfica, estou ansioso por ver os novos jogadores em acção. Dawidowics e Friesenbichler (vai ser um fartote ouvir o JJ dizer estes nomes) deverão ser apostas na B, mas estou especialmente curioso com Gerhardt e Loris Benito, jogadores que me são totalmente desconhecidos, mas de que ja li boas opiniões. Quanto a Djavan, parece-me um jogador bastante interessante, alto, forte, que gosta de subir, e que fez uma excelente época na Académica. Parece-me ter muito potencial, resta saber quanto lhe pesa a camisola que vai vestir.

O mercado está interessante, vamos ver se se confirma Fabregas no Chelsea, e se o Real consegue contratar um dos médios desejados, Ramires, Kroos ou Verrati. E se vamos ver confirmados os rumores sobre Eder e Rafa.

sexta-feira, 6 de junho de 2014

Inacreditavél

Ribery falha o Mundial!

Parece que vamos mesmo ter um Mundial muito desfalcado dos grandes nomes.
Depois de ter meia Alemanha e Portugal na enfermaria, e tantas estrelas que ficam de fora por lesão, é o segundo jogador Francês em dois dias.
Será que ficamos por aqui?

quinta-feira, 5 de junho de 2014

Low

O seleccionador da Alemanha, Joachim Low disse hoje que escolheu o adversário desta sexta feira para o jogo amigável porque, passo a citar, "A Arménia é semelhante a Portugal". Embora eu não seja o maior torcedor da nossa selecção, é inevitável citar um amigo meu ao responder ao Sr Low. "Pode ser que te f...."

quarta-feira, 4 de junho de 2014

É grande mas vale mesmo a pena!

Respostas disparatadas nos exames 

História

Lenini e Stalone eram grandes figuras do comunismo na Rússia.
Quando os egípcios viam a morte a chegar, disfarçavam-se de múmia.
O pai de D. Pedro II era D. Pedro I, e de D. Pedro I era D. Pedro 0.
O Convento dos Capuchos foi construído no céculo 16 mas só no céculo 17 foi levado definitivamente para o alto do monte.
A História divide-se em 4: Antiga, Média, Momentânea e Futura, a mais estudada hoje.
Na segunda guerra mundial, toda a Europa foi vítima da barbie nazi.
Antes mesmo da guerra a mercedes já fabricava volkswagen.
Na Idade Média os tratores eram puxados por bois, pois não tinham gasolina.
A fundação do Titanic serve para mostrar a agressividade dos icebergs.
A luta greco-romana causou a guerra entre esses dois países.
O Marechal António Spínola é conhecido principalmente por estar no dicionário.
A idade da pedra começa com a invenção do Bronze.
Os escravos dos romanos eram fabricados em África, mas não eram de boa qualidade.
Ao princípio os índios eram muito atrasados mas com o tempo foram-se sifilizando.
Nas olimpíadas a competição é tanta que só cinco atletas chegam entre os dez primeiros.

Biologia, Geologia, Ciências Naturais, Psicologia

O cérebro humano tem dois lados, um para vigiar o outro.
O cérebro tem uma capacidade tão grande que hoje em dia praticamente toda a gente tem um.
Quando o olho vê, não sabe o que está a ver, então ele amanda uma foto elétrica para o cérebro que lhe explica o que está a ver.
O teste do carbono 14 permite-nos saber se antigamente alguém morreu.
O índice de fecundidade deve ser igual a 2 para garantir a reprodução das espécies, pois precisa-se de um macho e uma fêmea para fazer o bebé. Podem até ser 3 ou 4, mas chegam 2.
O verme conhecido como solitária é um molusco que mora no interior, mas que está muito sozinho.
O hipopótamo comanda o sistema digestivo e o hipotálamo é um bicho muito perigoso.
A água tem uma cor inodora.
O porco é assim chamado porque é nojento.
O tabaco é uma planta carnívora que se alimenta de pulmões.
A trompa de Eustáquio é um instrumento musical de sopro, inventado pelo grande músico belga Eustáquio, de Bruxelas.
Parasitismo é o facto de um gajo não trabalhar e viver à ‘pala’ dos outros, de dinheiro, cigarros e outros bens materiais.
Ecologia é o estudo dos ecos, isto é, da ida e vinda dos sons.
A baleia é um peixe mamífero encontrado em abundância nos nossos rios.
As aves têm na boca um dente chamado bico.
Cada vez mais as pessoas querem conhecer a sua família através da árvore ginecológica
As constelações servem para clareficar a noite.
O telescópio é um tubo que nos permite ver televisão de muito longe.
Pedofilia é o nome que se dá ao estudo dos pêlos.
A homossexualidade, ao contrário do que todos imaginam, não é uma doença, mas ninguém quer tê-la.
Newton foi um grande ginecologista e obstetra europeu que regulamentou a lei da gravidez e estudou os ciclos de Ogino-Knaus.
A Bigamia era uma espécie de carroça dos gladiadores, puchada por dois cavalos.
Geografia A Terra vira-se nela mesma, e esse difícil movimento chama-se arrotação.
O sul foi posto debaixo do norte por ser mais cómodo.
A Terra é um dos planetas mais conhecidos e habitados do mundo.

Matemática, Física e Química, Economia

O metro é a décima milionésima parte de um quarto do meridiano terrestre e para o cálculo dar certo arredondaram a Terra!
Uma tonelada pesa pelo menos 100Kg de chumbo.
Para fazer uma divisão basta multiplicar subtraindo.
Princípio de Arquimedes: qualquer corpo mergulhado na água, sai molhado.
Uma linha reta deixa de ser reta quando encontra uma curva.
O piloto que atravessa a barreira do som nem percebe, porque não ouve mais nada.
Em 2020 a caixa de previdência já não tem dinheiro para pagar aos reformados, graças à quantidade de velhos que não querem morrer.

segunda-feira, 2 de junho de 2014

Manelele

Sempre gostei muito das qualidade futebolísticas deste jogador. À medida que esta época se aproximava do fim, os rumores de que Manuel Fernandes rumaria ao Dragão eram cada vez mais fortes. E já no defeso havia quem o desse como futuro substituto de Enzo Perez, caso este saísse. Confesso que apenas pensando nas qualidades futebolisticas esta foi uma hipotese que me agradou de facto.
Mas depois de ver esta fotografia, tirada na apesentação do jogador pelo Lokomotiv de Moscovo, a minha opinião mudou um pouco. Creio não ser preciso comentar a foto para entendes porque.
A qualidade de um jogador de topo, não se mede apenas pelas suas qualidades futebolisticas. Mas a vida que tem fora das quatro linhas, o seu modo de vida, as suas opções tem grande influencia no desempenho dos jogadores, e consequentemente nas suas carreiras.
Posso estar a ser tremendamente injusto. Mas que esta fotografia me deixou cheio de duvidas, deixou!


"Words are vague"


Foto de Lena Boehm e edição de André Cesário

domingo, 1 de junho de 2014

Boa viagem, Guilherme Siqueira!

Parece que Siqueira preferiu não responder à proposta contratual do SLB, fazendo assim esgotar o prazo da opção de compra que o clube da Luz teria para a sua aquisição por 7 milhões de €. Ao que consta o Benfica, estaria disposto a pagar o preço do lateral esquerdo, mas este com propostas mais aliciantes de outros pontos da Europa (Atletico de Madrid, Juventus e Arsenal por exemplo) preferiu agir desta maneira com o clube que lhe proporcionou uma época fantástica, recheada de títulos.
Como eu penso que quem não quer estar, não faz falta, a única coisa que me resta é desejar a Guilherme Siqueira uma boa viagem!

Fiquemos com Silvio!

As minhas notas do jogo de hoje


Acho que para estes jogadores, o 4-4-2 é o sistema ideal. Libertando Ronaldo de tarefas que o afastem demasiado da zona de decisão. O único problema para este 4-4-2, sao os outros extremos disponíveis, para que se garantam os equilíbrios defensivos e os desequilíbrios em zonas interiores eram preciso jogadores mais... jogadores.
Sei que neste momento é a menina dos olhos de toda a gente, mas para mim W.Carvalho não é indiscutível nesta equipa (tem muito que evoluir e provar ao mais alto nivel). E so ganha espaço em 4-4-2. Num 4-3-3 com Meireles e Moutinho, creio que Veloso será a melhor opção. Com William o défice de criatividade deste meio campo, seria ainda mais gritante.
Não gosto de Varela. Hugo Almeida não merece palavras. Eduardo Não deveria estar no Lote, e mesmo a presença de Beto, so mostra as fragilidades que temos na posição.
O percurso normal de um jogador é a sua evolução, Nani não faz parte desta normalidade.
Creio que Bruno Alves terá de jogar com Pepe.
Sempre disse e repito, o processo ofensivo de Paulo Bento é pobre, para não dizer inexistente. Na selecção basea-se apenas numa coisa. O talento de Ronaldo.