quinta-feira, 2 de outubro de 2014

Ontem

Não vi o jogo!
Ter treinos em dia de Champs é uma merda, mas é assim.
Dizem-me que foi mau demais, e acredito. Todos sabem que sou um fan de JJ. Mas entre gostar dele e do que tem feito pelo Benfica, e não ser capaz de o criticar vai uma grande diferença. Embora ache que é o melhor homem para estar ao leme do clube encarnado, não o acho um treinador perfeito, e erra como qualquer outro.
Mesmo sem ver o jogo, há coisas que posso dizer. A primeira é que infelizmente este ano não temos uma equipa de nivel Europeu. Por isso a ilusão de fazer figura na Champs será apenas uma miragem. Não é com Taliscas e Jardeis que lá vamos.
Eliseu é um bom jogador, e poderá para consumo interno, contra equipas que causam muito poucos problemas ofensivos ser uma optima opção. Não o é em jogos grandes, pois o seu momento defensivo deixa muito a desejar.
Jardel é um optimo "banco". Não tem qualidade individual suficiente para ser titular no SLB. O seu desempenho em posse é miseravel, e o posicionamento defensivo é fraco. Coisa que o acumular de minutos está a deixar a nu. Não se entende como Lisandro não tem minutos.
Sobre Talisca não me quero alongar. Tinha um odio de estimação, Cardozo, e Talisca não é o meu novo odio. Mas que ainda não tem andamento para jogar tanto no SLB, não tem.
Como não vi o jogo, não sei como foi Derley.
Mas se esta falta de qualidade é notoria nos jogos do campeonato, fará na Liga dos Campeões.

Quem não tem unhas não toca guitarra, e o desinvestimento feito esta epoca está à vista.
Mas a verdade é que lideramos o campeonato, prova para a qual temos equipa. E esta tem de ser este ano a grande prioridade.
Não eramos ontem a melhor equipa do mundo, nem somos hoje a pior. Por mais que a imprensa tente passar essa ideia. Incrivel como equipas que ganham dois jogos em 8 são alvo de grande elogio, e o lider do campeonato é cilindrado na primeira má exibição.

Para acabar umas notas.
O 6 tem de ser trabalhado, seja ele quem for.
Cristante é alternativa a Enzo e não a 6.
Salvio por mais que encha as medidas ao terceiro anel, está a Km de Gaitan ou de Markovic. Para Guardiola "o melhor jogador é aquele que não perde a bola", e Salvio perde-a infelizmente 90% das vezes. Se pudessemos juntar o sangue do argentino à inteligencia de leitura dos momentos, e de posicionamento de Ola John, teriamos um grande jogador.
Não gostei da contratação de Julio Cesar, e parece que ontem ja deu barraca.
Lisandro tem de ter minutos.
Talisca não pode jogar tanto.
Loris Benito tem de ter minutos.
Pizzi precisa de ter minutos.
João Teixeira não merecia ter sido esquecido.

1 comentário:

Anónimo disse...

Ontem foi mau de mais.
Concordo contigo, para consumo interno a matéria-prima é suficiente, mas mais do que isso é pura ilusão.
Espero que o próximo jogo da champs não venha dar razão aqueles, que como eu, pensam que foi um tremendo disparate o "empréstimo" camuflado de venda do Bernardo.
RM