segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Começou

Primeira jornada, primeiras surpresas.
A primeira surpresa apareceu com o Clube Corrupto na Forma Tentada (CCFT). Não pelo resultado, não pelo penalti duvidoso nos ultimos minutos, mas sim pela fraca exibição da equipa. O futebol da equipa é amorfo, sem sequer se conseguir entender quais as ideias do novo treinador para a estrategia da equipa. Uma defesa sem classe, um meio campo desorganizado e sem ideias, que ficará pior quando o Papagaio Micael render Belluschi, o unico jogador com criatividade no meio campo azul e branco. No ataque um belissimo jogador Falcao, que é acompanhado por Varela, que sem espaço rende muito pouco, e um Givanildo egoista, que perde 90% dos lances em que está envolvido.
O verdes com camisolas que parecem as barracas da praia da Figueira, fizeram ainda pior. Apenas vi a segunda parte, e foram completamente comidos pelo Paços. Gostei muito da equipa da capital do movel, especialmente dos jovens David Simão (do SLB) e Caetano. Dos das riscas vi pouco, não posso fazer comentarios sobre uma equipa que não jogou.
Pior ainda fez o meu Benfica! Uma primeira parte horrivel, e uma segunda parte, que embora mais pressionante, sempre mais com o coração do que com merito.
Encontramos uma Briosa muito bem arrumada, e parece-me até melhor que a do ano passado. Parece-me que o Bicho está a fazer por lá um bom trabalho.
Continuando no SLB, começámos o jogo com apenas nove em campo, e acabámos com dez. Jesus, é como sabem o treinador que acho ideal para estar a frente do Glorioso, mas é teimoso como uma burra! Foi criticado pelas opções tomadas no jogo contra o CCFT e a partir dai foi obvio que iria repetir a equipa. Trocou Peixoto com o Rod Stewart das Caxinas, mas pior a emenda que o soneto. Eu até acho que Peixoto tem lugar no plantel, como 2º lateral esquerdo, mas no meio campo é que não! Que jogo deploravel de Peixoto. Não me lembro de nada bem feito por este jogador neste jogo. E a sua inclusão acompanhada da opção por Amorim do outro lado, que também não conseguiu uma boa exibição foram responsaveis por muito do desaire Benfiquista. Devido à inclusão destes dois jogadores, ficámos apenas com dois jogadores envolvidos no processo ofensivo, visto que Amorim pouco apareceu, e Peixoto só estragava. Apenas restava Aimar e Saviola para criar. Acho muito pouco para um campeão nacional a jogar em casa contra a Academica. De Cardozo nem vou falar, visto que não ha nada a dizer. Todos já sabem o que penso. E hoje infelizmente foi dos jogos que me dá razão. Quando a equipa precisa de mais do que um matraquilho para encostar, ele não pode dar. Foi menos um.
Tenho também de falar do culpado nos dois golos. Um jogador que chegou ao Benfica como promessa, mas que também não se conseguiu afirmar, e começo a ter duvidas se o vai fazer. Sidnei. Muitos erros durante o jogo, dois deles deram golos. Não é possivel, nem aceitavel a este nivel.
Positivo, a classe de Saviola e Coentrão, a capacidade de luta de Jara.
É notoria a falta que Ramires faz a esta equipa. Ele a par de Javi Garcia e Saviola eram os jogadores mais importantes da equipa da epoca passada, e a ausencia do Queniano nota-se muito. A transiçao defensiva é neste momento um dos maiores problemas da equipa, e isso deve-se a essa ausencia. Amorim não tem a rotação necessaria para a fazer, e foi gritante ver constantemente a equipa partida nos contra-ataques. Ramires era impressionante a fazer essa missão e temos urgentemente de resolver esse problema. É bem mais urgente do que um extremo. Todo o equilibrio da equipa depende disso.
Foi também agoniante ver a falta de soluções colectivas da equipa, principalmente quando ainda nos está na memoria o rolo compressor da epoca passada. Hoje apresentou-se na luz, um parente pobre do campeão nacional.
O campeonato é longo, mas é nestes jogos que se perdem campeonatos. Veremos como será daqui para a frente.

Sem comentários: