quinta-feira, 13 de maio de 2010

E tudo o Bento levou

Era imperdoavel o Papa vir a Portugal e não merecer sequer uma linha sobre a sua visita. Mas como não sou uma pessoa religiosa, e acho um grande disparate tudo isto que rodeia a vinda do Papa ao nosso país, não vou estar aqui simplesmente a dizer mal de tudo e de todos.
Prefiro então colocar um texto divinal (esta palavra tem graça visto que estou a falar do Papa) de um dos meus Blogues preferidos O Bom, o Mau e o Vilão. Escrito por o muito inspirado Mak, o mau.
Aqui fica:

"Papa-phone

(som de Flashing Lights de Kanye West)

- Estou sim.
- Olá Mak, daqui falaarrre Tony Carrera. Querress ir fazerre um piquenicão?
- Bento, eu sei que és tu, deixa-te lá de piadas foleiras.
- Ah, ah, ah. Esta foi o pai que me ensinou...
- Deve andar com pouco que fazer ele.
- Eu estar aí daqui a um bocadinho. Como estarr aí o cenárrio?
- Como é que achas que está? Tu e a mania das grandezas, os gajos do Benfica reservam o Marquês, tu pões uma faixa a reservar Lisboa inteira...
- É verrdade, entre mim e o Jesus ser tudo nosso.
- Essa também foi o pai que ensinou?
- Não, ter sido um cardeal tuga que parra aqui anda. Falando de coisas sérrias, e gajas?
- Estão todas à tua espera.
- Todas?
- Pelo menos as com mais de 70 anos...
- Ah, desde que deixei de fumarree que não aprecio muito beatas.
- Tens outras também: A N. Sra. da Encarnação, A Sra. do Monte, que tem uma vista linda, a de Fátima, a Maria de Belém...
- Marrria de Belém? É aquela anã que terr muita laca no cabeloo? Ou a primeirra mama do Cavaco?
- Nem uma nem outra, é Santa dos Jerónimos.
- Ah, pasteis de Belém, isso sim serr coisa de fé.
- Ouve lá Bento, por falar em fé, achas que por milagre o Queiroz ainda se safa?
- Não sei bem, mas eu terrr um feeling...
- Vais abençoar o Ronaldo agora é?
- Não, mas aquela Ferrrgie eu dar-lhe um crrrrisma...
- Epá, é um bocado coirona.
- Engrraçado, o pai também me terrr dito isso.- Olha, tenho de ir ali coçar a testa com um agrafador. Acena-me quando fores a passar na Avenida da República.
- Ok, eu serrrr o gajo vestido de branco.
- Sim, tipo urso polar.

(desligo)"

3 comentários:

Banna disse...

Não têm nada a ver, mas gostei deste e-mail que me enviaram :D

Discurso de Mourinho aos jogadores do Inter
O último treino do Inter em Milão foi mais ou menos assim:

-Quem quiser ir a Barcelona está proibido de jogar à bola. – disse José Mourinho.

-Desculpe lá, Mister, não estou a perceber.

-Para jogar à bola está lá o Barcelona. Nós vamos para ganhar a eliminatória.

-Ganhar sem jogar? Mas assim perdemos.

- Por isso é que o Special sou eu. Se queremos ganhar não podemos jogar.

-Então o que é que fazemos?

-Deixamos o Barcelona jogar, dar três ou quatro toques, e tiramos-lhes a bola.

-É aí que contra-atacamos.

-Não, entregamos a bola aos tipos.

-E depois?

-Depois deixamo-los dar três ou quatro toques e tiramos-lhes a bola.

-E não atacamos?

-Isso é jogar e nós vamos para não jogar.

-E se correr mal?

-Eu é que sou o Special One, se corresse mal eu era só o Normal One. Perto do fim do jogo até podemos deixar os gajos marcarem um golo para dar um frisson à coisa e torná-la mais especial.

-E correr, podemos?

-Quanto menos melhor, eles que corram, nós não somos uma equipa de atletismo. Perceberam?

-Mais ou menos.

-E tu, Quaresma, percebeste?

-Percebi, Mister, a gente chega lá e parte aquela merda toda, nem os deixamos tocar na bola, mostramos aos gajos que quem sabe jogar somos nós.

-Bem me parecia que ias ver o jogo da bancada para aprenderes a não jogar demais. E tu, Balotelli, percebeste?

-Claro, Mister, se for preciso andar à porrada eu parto aquela merda toda e mando os adeptos dar uma volta.

-Bom, tu vens connosco e ficas no banco, pode ser que venhas a ser preciso. Mais alguém quer jogar à bola? Não? Então bora lá ganhar a eliminatória.

E quero deixar aqui publicamente, que, todo e qualquer tipo de comentário, bom ou mau, com ou sem erros assino, pelo que, não meti nenhum coment sobre o SLB ou FCP anónimo...

Sam disse...

eh eh eh

Senator Buscetta disse...

LOL! Grande Mak!