sábado, 4 de junho de 2011

Taça Coca-Cola

Orgulho!

Odeio perder! Não sei perder, e tenho um mau perder do pior! E desta vez não foi diferente. Ainda para mais sabendo do valor destes miudos, e vendo a maneira como fomos eliminados. Mas uma coisa de cada vez.
Depois da grande surpresa para todos, e das merecidas vitorias na etapa do Algarve da Taça Coca-Cola em que ficaram no 1º lugar, os Juvenis do Odemirense, equipa da qual faço parte da equipa tecnica, rumaram ao Porto, para a fase final deste torneio.
Partimos de Odemira na sexta-feira dia 3 de Junho rumo ao Estadio do Dragão, onde fizemos uma visita guiada, e jantamos. Dormida em Guimarães. O Sabado começou bem cedo, com a partida para o centro de estagio do Clube Corrupto na Forma Tentada.
O primeiro jogo contra uma equipa apurada na etapa de Braga, foi dominado pelo nervosismo. Mas aos poucos a equipa foi acentando o seu jogo, e acabou por fazer o 1-0 final no ultimo minuto, depois de uma boa jogada de Tiago Matos pela direita, e com o ponta de lança Rui Neto a encostar para a vitoria. Com estes tres pontos, o apuramento ficava praticamente garantido. E só uma conjugação anormal de resultados nos colocaria fora do torneio.
O segundo jogo foi contra a equipa apurada na etapa de Coimbra. A Naval 1º de Maio, equipa que ficou alojada na mesma pousada que o Odemirense. De acordo com o seu treinador, que em conversa com elementos da nossa equipa, a Naval era a "equipa sensação" com alguns jogadores acima da media, e já cobiçados por grandes clubes.
A verdade é que este foi o melhor jogo que já vi os Juvenis do Odemirense fazer, desde que faço parte da equipa. A equipa dominou por completo, com uma organização fantastica, e uma tranquilidade anormal. A qualidade da posse de bola foi enorme, de pé para pé, num jogo muito agradavel e bonito de se ver, em que os atletas conseguiram fazer aquilo para que treinam semanalmente quase na totalidade. Os golos foram tardando, e foi já nos ultimos minutos que a cereja no topo do bolo surgiu! David Roque, na marcação de um livre directo, faz um grande golo, coroando uma exibição fantastica da equipa. E foi isso que se notou nos festejos deste golo. A equipa!
A passagem aos quartos de final, e o 1º lugar do grupo estavam então garantidos, e mais que merecidos.
O jogo dos quartos de final foi mais complicado e dividido. E se é verdade que a equipa apurada na etapa de Lisboa com quem jogámos dominou em termos de posse de bola, também é verdade que as unicas oportunidades de golo foram do Odemirense. Com destaque para uma defesa fantastica do guarda redes lisboeta a remate de Rui Neto.
O jogo foi para o desempate para grandes penalidades, e o Odemirense acabou por ser eliminado. Mas este resultado não mancha em nada uma participação brilhante.
Na minha opinião, esta equipa do Odemirense merecia ter disputado a meia final, e ai iria defrontar a equipa apurada na etapa de Evora. Tudo poderia acontecer.
Parabéns a todos, voces sabem o vosso valor! Acreditem nele! Eu acredito!
Voces são os maiores!

Ps. Acabei de saber que a equipa da Naval 1º de Maio ganhou o torneio, batendo na final a equipa de Lisboa que eliminou o Odemirense. Mostra assim que o seu treinador até tinha razão, e que foram mesmo a "equipa sensação".
Visto que o Odemirense ganhou à Naval, e de maneira inequivoca. Merecendo completamente a vitoria, este facto vem mostrar o equilibrio entre estas equipas, e faz-nos ter a certeza que podiamos ter vindo do Porto com a taça debaixo do bolso.
Este facto faz-me também ficar com uma azia desgraçada!

2 comentários:

Anónimo disse...

espectacular ;)

Anónimo disse...

Parabéns, pela forma como representaram a região num torneio de respeito a nivel nacional!
De qualquer forma, a imagem deixada foi mais positiva que o resultado e, tenho a certeza que essa geração de jogadores e técnicos, ainda vai dar mais alegrias aos Odemirenses!

João Afonso