terça-feira, 9 de dezembro de 2008

TGV

Estava ontem a ver o noticiario, e deu uma noticia sobre o TGV em Espanha! Tive à procura de ler qualquer coisa sobre o assunto antes de escrever o post, para não correr o risco de dizer alguma barbaridade, mas não encontrei. Vou então escrever isto sem rede. Se por acaso eu disser algum disparate, por favor corrijam-me.
Foi com surpresa que vi que Nuestros Hermanos se estão a render ao TGV. Cada vez mais este tipo de transporte de alta velocidade está a ser visto como uma opção valida. Para os espanhois, o conforto, a fiabilidade de horarios e a segurança são os motivos principais para trocar o avião pelo comboio de alta velocidade. Os preços são do mesmo nivel que os das companhias aéreas, mas como disse, os horarios sempre incertos e o Check in, são os motivos principais que levam os espanhois a preferir os TGV. Os preços variam, tal como nas companhias aéreas, de acordo com as classes em que se queira viajar. Desde os 200€ em primeira classe, até preços abaixo dos 100€ em classes mais economicas.
Em Portugal o TGV é visto com muito cepticismo, e é muito utilizado como arma de arremeço pela oposição contra o governo. Mas o governo diz que vai ser muito positivo. O governo diz que o projecto TGV irá estimular economia em até 1,7 por cento do PIB. E que vai criar muitos postos de emprego. Quer na sua construção, quer depois na manutenção e funcionamento. Há também quem diga, que na fase da contrução vai ser muito importante para resolver problemas de desemprego... de paises africanos e de leste. A nivel economico não sei muito bem no que acreditar, mas o grande interesse do sector privado nesta actividade faz-me pensar que não será assim tão mau. Ninguem entra num negocio para perder, certo?
Em termos praticos o TGV vai servir para fazer a ligação Lisboa-Porto em cerca de uma hora, o que é bastante positivo. Penso que com ligações a partir de Lisboa para Madrid e Algarve, o projecto do TGV seria um importante meio de transporte alternativo. Mas ao que sei estão a ser também equacionadas mais ligações a Espanha.
Em termos ambientais o TGV poderia ser muito importante também. Ao tentar informar-me, vi várias referências ao "facto" de o TGV não ser tão "simpático" ambientalmente como outros meios de transporte, mas ao procurar melhor fiquei convencido do contrario. A taxa de consumo de combustivel do TGV situa-se em cerca de um quarto quando comparado ao automovel e ao avião. Mas como diz a Quercus, o TGV so será vantajoso a este nivel, se for acompanhado de fortes medidas para dissuadir o uso do automóvel e do avião, dois transportes altamente poluentes.
Agora temos de pesar tudo isto numa balança! Se o investimento numa infaestrutura deste nivel acompanhada do novo Aeroporto num país que se quer cada vez mais virado para o turismo, será mais importante que investimentos para as zonas do país menos desenvolvidas. Ou se deveremos apontar todos os nossos recursos para a resolução dos problemas mais graves deixando o investimento de lado.
Cada cabeça sua sentença...

2 comentários:

Anónimo disse...

A minha opinião é k estas obras são fundamentais para o nosso pais a beira-mar plantado. Se não vejamos...mais cedo ou mais tarde iríamos ter k recorrer ao TGV, ora sabendo que estamos agora a entrar no ultimo Quadro de Apoio Comunitário acho k é uma forma de por um lado irmos buscar alguns €€ a Bruxelas e por outro incentivar o emprego e a economia que esta a passar por uma fase ofegante.
O que me parece descabido é fazer uma ligação LX-Porto, na qual se "poupa" cerca de menos 15m em relação à actual ligação. Será que vale mesmo a pena?
Porque não fazerem apenas 3 ligações: Porto-Vigo; LX-Évora-Madrid e Faro-Sevilha?
Acho que o TGV é útil para as ligações externas.
Portugal é demasiado pequeno e se existirem estações de 50 em 50 km o TGV n é eficiente. Esta máquina necessita de muito espaço para chegar à sua velocidade máxima.
Vamos é esperar e acender uma velinha a "santinha" para q o TGV ñ seja mais um ELEFANTE BRANCO.
RUCA

Rio MIra por Dragar disse...

Já agora quero um ramal ferróviário até Odemira!

Uma via rápida Odemira/Ourique a fazer ligação à auto-estrada!

A concretização do utópico IC4!

O TGV pode ser logo a seguir!

A "gente" merece!